O Vinho e o Amor.


Aquela máxima de que os mesmos motivos que te levaram a amar uma pessoa podem vir a serem os motivos para separação, com o vinho na sua maioria ocorre o mesmo, isso porque o bom vinho é igual ao amor verdadeiro.
De um individuo para outro os motivos que levam a gostar de uma pessoa podendo chegar a amar são os mais diversos. Podendo ser pela docilidade da pessoa ou inteligência, e tantas outras razões, ou até os devaneios.
No caso do Vinho, ocorre de uma forma muito parecida, ele difere de varias outras bebidas, é uma bebida “viva”, que nasce assim como o primeiro homem no texto Bíblico da terra.
Alguns costumam até comparar que seria o “sangue da terra”, não vejo assim, mas fica aqui a analogia.
Vou fugir aqui dos aspectos históricos, religiosos, e tantos outros, para fazermos o comparativo a que se propõe o titulo do texto.
Cada ser humano tem a sua identidade assim como o vinho, o meio onde vive e os seus genes o DNA, do ser humano o caracteriza e o torna único com sua psique inclusive. Já com o vinho, o local onde esta a videira, a sua origem, o folclore, a comida da região, o tipo de solo, clima, como é cultivada e como são colhidas e todo o processo de produção, o faz único, pois essas características serão traduzidas para o seu “DNA”, nós humanos temos nossas digitais, já o vinho tem seu rotulo, e as suas impressões.
Cientistas até criaram clones de alguns animais, dizem ter a condição de se fazer com humanos. Na confecção de vinhos também tem enólogos que fazem da mesma forma, mas nunca serão os mesmos.
Tem aqueles que padronizam um sabor, sabe o refrigerante e a cerveja sempre os seus mesmos sabores, tudo igual, onde você já se sabe o sabor que tem ali, pois essas correções no vinho alguns também o fazem, como o exemplo do clone que citei.
Quando ouvir alguém falar que sobre um vinho por alguma característica ou porque era doce, ou correto, encorpado, acido, lembre-se do comparativo com nossas vidas, portanto um vinho que você comprou, se for um vinho que gostou ou ate não gostou, pense que o próximo pode ser melhor ou ate pior, isso que faz do vinho, e do como o amor serem tão instigantes e prazerosos.
Namorar é a fase para se conhecer, podendo chegar ate a amar, assim como temos o amor à primeira vista, tem vinho que você gosta na hora que o prova.
OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Na vida você pode encontrar o parceiro perfeito, que tem tudo que sonhou em uma pessoa, mas que não consegue ama-lo, dizemos que não teve a ”química”. Já com o vinho se tem muita química é melhor evitar, ira te causar mal.
Namore muito e quando encontrar o amor deguste com um bom vinho, essa é a grande certeza, somado amor e vinho, encontraremos a razão e a felicidade em viver. Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *