Senta, Levanta, Senta, Levanta.

Período da “manhã”, todos esperando ser chamados para tirar fotos, teve uma vez em que tirei foto sozinho, colocavam um mapa múndi atras dos alunos e em uma “escrivaninha”, colocava o seu nome a frente, com um globo terrestre ao lado, teve também varias onde, no “Fabiano”, os alunos ficavam em pé na escadaria e la no topo dona Basílica e a Nossa diretora, que agora não lembro no nome, alguém ai me ajuda, morava ao lado da casa paroquial, LEMBREI: Dona Cilda. Todos de uniforme aquela calça de “tergal” que na propaganda da tv, dizia: Senta, levanta, senta, levanta…
calça “cigarrete”, camisa branca e sapato “lustrando”. Sopa era a pedida cada pessoal levava algo para fazer a sopa. Fabiano, Humberto França começou depois, Rosa de lima, na rua Euclides Barbosa lima, Justino e o da estação o Josino…Professores porretas que tinham status na sociedade, Dona Miriam ensinando a fazer biquinho para pronunciar as coisas em francês “uíííííííií´”
molecada atentada…tinha os cursos em paralelo de inglês Alzirinha, a admissão com a Dona Basílica. Cabeleireiros eram poucos nessa época o Camilim era DJ, o IVO, trabalhava com os Garnicas que acho que e´parente dele, ali próximo a Igreja Matriz católica, restaurante TOP era o DAVID, ficava ali no Caixa com o pescoço entrado para dentro do ombro, fumando e reclamando de tudo uma cara FEIA…o Pilec, a sorveteira do Delaine, o Bar que o Jorge PÉ de Valsa abriu na avenida, Tomaizinho.
Sorvete no Delaine com cobertura de groselha, duas bolas nas vasilhas de metal, o Al Di Lá, DO Pantaléo, Quem fazia comida para fora era o pessoal do Manézinho do mocambo, a Dona Tereza, que também cuidava da Igreja, 
No mocambo o cafezinho, no bar do Pai do Maionese o JOÃO MUiÉ, e acompanhando os enterros um necrófilo, lembro do Fagundes Varela, aquela figura sinistra com óculos enormes no rosto escuros, lembram dele?sabem o nome?( CEBOLÃO),Tinha a maria da boneca, a Maria que vendia sorvete sempre maquiada, ta certo que ela não se limitava ao batom somente nos lábios, mas era uma trabalhadora..naquele sol, empurrando carrinho, o João MUÍE, Jogava pedras em todos, que mexiam e comia muita pimenta…as vezes com um terno de linho branco.
´Personagens de minha infância que hoje sinto saudade, Apelidos quase não existia né? Eu Kaverão, Chumbinho, Cabeça, Gabirú, Kadão , TIM, Lolo, thianão, Jefferson Loiro, Pagioro, Hugo, zé véio, Niltim, Hermim, Furuntanga, Furutanguinha.Todos no banco do jardim, ou na casa do Hugo, ou do kadão, yoneda, sobrado, fazendo do jefferson, Pedrona, cachoeira, times de futebol, Serrado, vila São Jorge, Palmeirinha, Paulistano, Tigrinho etc etc…E o seu Nilton representando ITUVERAVA no cidade contra cidade tocando o Hino Nacional no violão…o conservatório, e minha professora de piano a CACAU, hoje na avenida soares de oliveira teremos a apresentação da equipe da Chevrolet que vai dar cavalos de pau, e no Campo de aviação a esquadrilha da fumaça, A Fapici é um sucesso de publico e critica, kkkkkkkkkkk, somente ouvindo o Disco do Belchior na casa no hugo ou ouvindo o Fagner com os canteiros…Caio depois de uma serenata, vai ao laboratório saber do resultado do exame…nós com ele e o Léo Abre uma cegonhona…parabéns CAIÃO, que foi morar na casa do Bartilotti, o 200 que pega no Gol, hehehe, Thianão agora esta em frente a associaçaõ é o primeiro a enfrentar o John, brigas de gangues, kkkkkkkkk, em iItuverava.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *