Troca-se: Imóvel X Móvel.

Estou precisando de trocar a mobília do meu ser, fazer uma reforma geral no Imóvel, trocar os aposentos, mudar a cozinha, enfim uma reforma radical.
Melhor reformar, trocar, ou adquirir algo novo?
Só se estiver no apego para ficar com o que se tem, ai você percebe que esta pego.
Trocar o certo pelo duvidoso, fico pensado o que e´o certo?
Por que querer o errado, isso não é certo, mas certamente é o grande erro.
Duvidoso tem isso também, o fato de estar mais velho, menos vaidoso, menos, menos…vai idoso, deixe de duvidas sobre reformar nessa idade,
Mas o novo requer abdicar, visão monárquica da coisa, ou anárquica, qual decisão?
Reformar, marcar com vermelho o que vai ser demolido, comecemos com as paredes que obstrui a visão mais ampla.
O estilo manterei, mais ainda reforçarei os traços,e restaurarei o que mais caracteriza o movimento.
A cor sera predominantemente verde, Feng Shui, radiestesia, o que for necessário para harmonizar formas, matéria, espirito.
feng-shui-7

Pensar o novo projeto com a vertente da necessidade e na vontade que tenho sobre ser eu mesmo. Alinhando ao novo o desejo de menos ser mais.
Arquiteto de obras inacabadas.
Sera uma repaginação do moderno, com pilotis cravados e erguendo a nova área, com uma perfeita integração com o entorno.
A fachada, quando olhada, veras a linha de Corbusier falando com a natureza, pode parecer antigo para outros, mas o movimento em que me encontro com certeza é moderno na estrutura e plastica, já no seu interior caminha para o simplista, minimalista, funcional, leve, como deve ser todo o ser.
Vende-se imóvel, motivo mudança.
casa-claudia-agosto-feng-shui-energias-apartamento-abre2

2 comentários sobre “Troca-se: Imóvel X Móvel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *